Sessão Ordinária SESSÃO ORDINÁRIA 13/03/2018 / 19:30
PAUTA


ATA
Ata da quinta sessão ordinária, realizada no dia treze (13) do mês de Março do ano de dois mil e dezoito (2018), após o nascimento de Cristo às dezenove horas e trinta minutos (19h30min), horários regimental, havendo quorum legal e contando com a presença dos Senhores Vereadores que assinaram o livro próprio de presença, a saber: Amarildo Pinto de Andrade, Erick Fernando de Oliveira, Genésio Norbiato, Gieverson José Rodrigues, José Lissoti, Osvaldo Norbiato e Patrícia Maria Deretti Rodrigues, o Senhor Presidente da Câmara Genival de Souza, declara em nome de Deus aberta a presente sessão, em seguida foi feita a leitura de um trecho da Bíblia Sagrada pelo nobre Vereador Osvaldo Norbiato e juntos fizeram a oração do Pai Nosso. PASSANDO AO EXPEDIENTE. Foi feita a leitura ata da sessão anterior, a qual foi aprovada pelos Vereadores presentes e as leituras das seguintes proposições: Projeto de Lei do Executivo nº. 001/2018 Sumula: Dispõe sobre o arrendamento de área de terras para o aterro sanitário; Indicação nº. 015/2018, a qual sugere ao Poder Executivo que determine a instalação de placas de sinalização proibindo o estacionamento de veículos na barragem do lago beija flor, na PR 539, de autoria do Senhor Vereador Genésio Norbiato; Indicação nº. 016/2018, a qual sugere ao Poder Executivo que determine o cascalhamento e a limpeza das caixas de contenção de águas pluviais na estrada da Sanepar, trecho da entrada do sitio do Senhor José Luiz Favaro até a PR 539, de autoria do Senhor Vereador Erick Fernando de Oliveira. PASSANDO AO USO DA PALAVRA.Com a palavra o Senhor Vereador Gieverson José Rodrigues; O qual mencionou que esteve em uma sessão ordinária da Câmara de Apucarana para pedir que os Vereadores de lá fizessem uma indicação, até tentou falar com o Beto mas ele não estava para que tapassem os buracos da estrada Rio Bom a Apucarana que está feio a situação da estrada, frisou que eles iam fazer uma indicação para o Prefeito e se algum de nós aqui tiver a oportunidade de conversar com ele, que façam esse favor de pedir para tapar os buracos pois a estrada está em péssimas condições; Com a palavra o Senhor Vereador José Lissoti; O qual explanou sobre um pedido deles através do frazinho para o Requião que versa sobre uma emenda de cento e cinquenta mil reais para custear a saúde não sabe se é para custeio ou compra para equipamento, e através do filho o Requião envia a emenda e ele distribui para os municípios, e agora Rio Bom será agraciado com mais cento e cinqüenta mil esse ano; Com a palavra o Senhor Vereador Genésio Norbiato; O qual salientou sobre sua indicação que foi lida e apresentada em plenário frisando a necessidade da mesma ser atendida. Teceu também agradecimentos ao Prefeito por ter mais uma vez ajudado com a estrada de Santo Antonio, embora o DR não tenha mantido a sua palavra, acostumou com a prefeitura ano passado, pois ano passado nem arrumar arrumava deixava para prefeitura, mas esse Prefeito cobra, inclusive o Vereador está até com um documento em mãos, pois tinha uma retroescavadeira no município e poderia ter aproveitado para fazer as caixas de contenção que desce na chácara do Gutemberg de Santo Antônio e que acabou com a mina dele e cabe o Vereador agora denunciar no SEAB, para ver se tomem providencia façam aquelas caixarias para segurar a água e se é para prefeitura fazer que façam as caixas é o mínimo que se pode fazer ali porque é uma pena o DR podia ter ficado mais dois dias teria feito todo o serviço para nós, mas foi embora largando a metade para trás, então o Vereador agradece o Prefeito, mas que os responsáveis do DR tomassem um pouco de vergonha, inclusive o Vereador irá falar isso na imprensa, para que assumam suas responsabilidades pelo menos esses trechos façam de uma vez e não pela metade; Com a palavra o Senhor Vereador Genival de Souza; O qual fez um lembrete aproveitando que o chefe da segurança estava presente, ressaltou sobre um assunto sempre cobrado aqui na Câmara a respeito dessa praça, dessa bagunça, aproveitou e fez a leitura de um oficio que veio para conhecimento de todos e mencionou que é de competência do município proibir essa bagunça na praça da matriz, então que seja criada um projeto de lei e mandem para a Câmara para podermos votar, não diga que não tem jeito pois jeito tem, isso aqui é uma decisão que já foi protocolada, não iriam enviar esse oficio se não fosse verdade, como está dizendo aqui o principal fato é proibir a presença de bebidas alcoólicas nas ruas e praças municipais, pois é onde está a bagunça, inclusive o Vereador vai enviar pra ele esse projeto que não é um projeto e sim uma decisão, se ele se interessar ele que encaminhe para a Câmara, pois é de competência do município sim não é só esperar o Governo o Presidente fazer não, isso é competência do Prefeito e do município fazer isso ai. Agradeceu também pelas indicações do Vereador que partes foram atendidas, inclusive a limpeza atrás do campo que estava um matagal e os bandidos até se escondiam melhorou, então o nosso objetivo não é só criticar, quando faz as coisas é elogiar também. PASSANDO A ORDEM DO DIA. As Indicações foram encaminhadas a quem de direito. PASSANDO AS EXPLICAÇÕES PESSOAIS. Não houve inscritos. E não havendo mais nada a ser tratado o Senhor Presidente da câmara Genival de Souza, agradeceu a presença de todos e declara encerrada a presente sessão, e eu Osvaldo Norbiato, primeiro secretário, lavrei a presente Ata que depois de lida e achada conforme vai assinada.



EDIFICIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE RIO BOM, AOS 13 DIAS DO MÊS DE MARÇO DO ANO DE 2018.